segunda-feira, 31 de março de 2008


"Nos disseram 'é impossível'. E agora a gente 'tá aqui! A gente 'tá aqui porra! (...) Então manda eles para p. q. p. E acredite em vc. (...) Esse ano, faça por vc."

Dinho (do Mamonas) em Garulhos...









jah faz doze anos...
caramba!
soh pq os caras saum mto fodas...
e pq esse discurso do dinho foi d arrepiar.

domingo, 30 de março de 2008

Passarinhangens

"A Um Passarinho

Para que vieste
Na minha janela
Meter o nariz?
Se foi por um verso
Não sou mais poeta
Ando tão feliz!
(...)"

Vinicius de Moraes

=]



Isso me lembra outro...
oO
Intertextulidade - Terceiro ano, Aplicação


"Todos estes que aí estão
Atravancando o meu caminho,
Eles passarão.
Eu passarinho!"

Mário Quintana


E tenho dito!

quarta-feira, 26 de março de 2008

terça-feira, 25 de março de 2008

Matemática do mal

>.<

O que é 0,15%?
Tem gente que perde um ano de estudo intenso (ou cinco) por menos que isso no vestibah.
Por 0,15% vc naum consegue o emprego, roda de ano ou perde um milhão (Sim! Eu vejo Big Brother :S).


Eu não sei vc, mas eu tenho a sensação que os números importam mais que do pessoas atualmente.






A propósito, sou a 07117029 na UFSC.

=B

E vc quem é?

Ouvi uma coisa...

enquanto arrumava meu pc, essa tarde:

"A guerra entre nerds e valentões começou quando os nerds descobriram o fogo, e os valentões agradeceram queimando as suas bundas."

(Shredderman: Justiceiro dos Nerds)

=B

sexta-feira, 21 de março de 2008

Porta-Retrato


"Você não vê os momentos difíceis num album de retrato,
mas são eles que te levam de uma foto feliz a outra."

(Recém-casados)

Namastê.

quinta-feira, 20 de março de 2008

Que vaquinha inteligente!



Aula de Histologia.
A vaca achou muito interessante! o_O

¬¬
Que é?
Gosto não se discute... Se lamenta!
tsc tsc u.u

quarta-feira, 5 de março de 2008

Você cria os filhos para o mundo.

Talvez eu não devesse escrever sobre isso, mas preciso.

Alguem disse em algum lugar infame que "amar é deixar ir"...
axo q continuava assim: "se voltar é teu, se não, nunca foi..."

Bom nesse caso não é sobre ser ou naum ser de alguem, mas de amar acima de que.

Funciona assim: o quanto você está disposto a abrir mão por amor?

(To falando de um amor que valha a pena, não de namoricos doentis e sem sentidos, ou amizades traiçoeiras.)

E também vamos deixar claro que amor aqui é genérico! Amigos, namorados, pais... Enfim...

Uma vez já me fiz essa pergunta, quanto se pode ceder?
Hoje eu vi alguém fazendo um dos gestos mais bonitos de amor de toda a minha vida: abrindo mão de uma pessoa, para fazer o outro feliz. E veja bem, não há motivos reais para se quebrar o laço. Apenas esse: a pessoa amada não conseguia lidar com aquela situação e estava se magoando...

Bem, em troca desse gesto, alguém estendeu a mão e lhe deu um abraço de compreensão, que foi o que restou. Amar é deixar ir. É deixar livre para que se viva, mesmo que esse "livre" possa ser longe.

Esses são amores totalmente diferentes, iguais em compreensão das necessidades do outro. Assim espero ao menos.

Isso não é sobre o preço do amor. É sobre escolhas, sobre quando/por quem vale a pena se deixar um pouco de lado.

Tô tentando não ser dramatica... mas axo q falhei nessa. I'm sorry...

"Tristeza é uma forma de egoismo"
Só agora entendi essa...